George Lucas explica afastamento de "Star Wars" e critica novo filme

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

O criador da saga "Star Wars" conta que não se envolveu no desenvolvimento de "O Despertar da Força" para não entrar em conflito com a Disney

George Lucas é a mente por trás da saga "Star Wars", tendo dirigido quatro dos seis primeiros filmes. Em 2012 o diretor vendeu a franquia para a Disney que, em 2015, lançou do sétimo filme "O Despertar da Força". Ao site "The Hollywood Reporter" o diretor confessou que não gostou muito do resultado. "Eles queriam um filme retrô. Eu não."

George Lucas conversou em vídeo com o apresentador Charlie Rose e confessou
Reprodução
George Lucas conversou em vídeo com o apresentador Charlie Rose e confessou "A Disney não estava interessada em meu envolvimento"


Em 2012 Lucas vendeu a franquia "Star Wars" por U$4 bilhões (aproximadamente R$16 bilhões hoje) para a Disney Company - "brancos escravagistas" segundo o diretor - esperando que a linha dos filmes originais fossem seguidos e se decepcionou quando a companhia deu um tom retrô ao último filme.

São 7 filmes, três trilogias, quase 40 anos e mais de 40 personagens memoráveis
Reprodução
São 7 filmes, três trilogias, quase 40 anos e mais de 40 personagens memoráveis

"Em cada filme, trabalhei muito duro para torná-los diferentes. Eu os fiz completamente diferentes: planetas diferentes, naves espaciais diferentes, para transformá-los em novos", explicou.

Antes da venda, Lucas planejou fazer uma continuação para o último filme da trilogia original, mas a Disney não estava interessada, então o diretor ficou longe da produção. "Eles não estavam interessados  no meu envolvimento [na produção do sétimo filme], se eu estivesse por la só iria causar problemas já que eles não irião fazer o que eu queria. E eu não tinha mais o controle sobre isso e eu só deixaria todos furiosos." Então o diretor escolheu ficar longe. "Vou seguir o meu caminho e deixá-los fazer do jeito deles", contou.

O último filme da franquia, o primeiro produzido pela Disney, foi lançado em 17 de dezembro e já alcançou o posto de uma das bilheterias mais lucrativas do ano.

Imagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EWImagens do filme "Star Wars: O Despertar da Força". Foto: Reprodução / EW


Leia tudo sobre: Star WarsGeorge Lucas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas